Consumo de materiais nas obras

CONHEÇA AS 5 PRINCIPAIS VANTAGENS APRESENTADAS PELO SISTEMA LIGHT STEEL FRAME EM RELAÇÃO À ECONOMIA DOS MATERIAIS UTILIZADOS NA SUA OBRA 

Todos nós queremos um mundo onde nossos filhos tenham acesso a uma casa, recursos naturais para viver em harmonia com o meio ambiente e, especialmente, água em abundância.

O bem-estar das gerações futuras está diretamente ligado à disponibilidade de certos recursos e muito tem sido feito para preservá-los.

Mas ainda é pouco. Quando pensamos no impacto que uma obra tem sobre o uso de materiais e o desperdício deles nos dá um mal-estar.

Será que todos nós estamos fazendo a nossa parte?

Quando iniciamos nossas primeiras obras, há 13 ou 14 anos atrás, sentimos inicialmente uma frustração pelo método construtivo em alvenaria.

Acreditamos que você também se frustraria, ou se já fez alguma obra e já passou por isso, também já se sentiu assim por várias razões:

  1. O canteiro de obras é ruim, com muita bagunça, restos de materiais por todos os lados, muitas escavações e um trabalho bastante indigno para os pedreiros.
  2. O material utilizado precisa de muita água, desde o concreto, o cimento e até os próprios tijolos e argamassas. Não conseguimos achar coerência: buscamos obras sem umidade e molhamos tudo para construir!
  3. Obra artesanal: cada material é cortado ou quebrado e posicionado manualmente no canteiro, de uma forma que gera muito desperdício e retrabalho. Fazer uma parede de tijolos requer verdadeiros artistas para que fique perfeitamente no prumo e no esquadro!

Além disso, sempre nos chamou a atenção a quantidade de madeira que sobra no canteiro quando a obra termina. As fôrmas de madeira que moldam vigas, sapatas e pilares são quase integralmente jogadas fora.

E você sabia que a construção civil consome cerca de 50% da água potável em áreas urbanizadas no Brasil? Assustador, não é mesmo?

Mas como resolver todos esses problemas de uma só vez?

Essa pergunta motivou uma busca que começou ainda na faculdade e se intensificou em 2010. Nossa pesquisa tinha requisitos que eram atendidos apenas parcialmente por alguns sistemas construtivos.

Buscávamos, em resumo:

  • Materiais mais prontos e menos mobilização no canteiro
  • Pré-construção ou industrialização de elementos, para diminuir a margem de erro e o desperdício.
  • Materiais mais leves e com menos consumo de matérias-primas por m².
  • Fundações mais simples de executar
  • Menor emprego de recursos naturais, em especial da água

Nessa pesquisa encontramos algumas opções com blocos padronizados, pré-moldados, wood frame e Steel Frame, e todos foram avaliados para que chegássemos à conclusão que o sistema que melhor nos atenderia era o que cumpria a maior parte de nossos pré-requisitos.

Conclusão: Não há sistemas totalmente ruins, mas inadequados a algumas situações e principalmente, obras mal planejadas e mal executadas.

A nosso escolha foi pelo sistema Light Steel Frame pois ele apresentou uma série de vantagens em relação à construção convencional, e por isso resolvemos testá-lo e apresentá-lo como alternativa às obras convencionais aos nossos clientes. Listamos algumas das principais:

  1. Limpeza: há uma redução no desperdício e sobras de materiais na ordem de 30% na obra
  2. Obra leve: até ¼ do peso de uma obra de tijolos
  3. Obra seca: consumo zero de água na montagem
  4. Uso de materiais recicláveis: o aço pode ser 100% reaproveitado
  5. Rapidez: obras em até 1/3 do tempo de uma convencional

Se você também quer um planeta melhor, mais justo e com mais recursos para as próximas gerações, escolha certo o seu sistema construtivo. Essa é apenas uma atitude entre muitas que podemos adotar para mudar o local onde vivemos.

Está pensando em construir?

Para saber mais informações sobre as vantagens e benefícios que o sistema Light Steel Frame pode proporcionar para você desenvolvemos um SIMULADOR para que você possa obter informações mais apuradas em relação ao investimento no seu lar ideal.

Você também pode fazer o download deste INFOGRÁFICO para compreender a dimensão de quantos fatores influenciam na ECONOMIA REAL que você pode ter ao optar pelo sistema Light Steel Frame.

Cadastre-se em nosso site para receber em primeira mão todas as novidades do mundo da Arquitetura, Sustentabilidade e Construção a Seco.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


8 − = 3